Com mais de 50 anos de história, a Camil é uma das maiores empresas de bens de consumo no setor de alimentos no Brasil e da América do Sul, detendo posições de liderança nos segmentos e países em que atua.

A Companhia iniciou suas atividades no ano de 1963, no Rio Grande do Sul, época em que se deu a migração do cultivo de arroz do centro-oeste para o sul do Brasil, devido à sua maior produtividade nesta região. Na década de 70, a Companhia expandiu suas atividades para o estado de São Paulo.

Já na década de 80, a Companhia começou a empacotar e comercializar arroz sob a marca Camil, abrindo o seu primeiro centro de distribuição em São Paulo. A década de 90 foi marcada pela (i) expansão comercial da Companhia com a entrada em novos mercados, como o feijão; (ii) transferência da sede do Rio Grande do Sul para São Paulo; e (iii) admissão de um fundo de private equity norte-americano no capital da Companhia (TCW).

A partir do ano 2000, a estratégia da Companhia passou a ser de expansão via aquisições, em adição ao crescimento orgânico da Companhia com a assunção do controle da Companhia pela família Quartiero.

 

 

A Companhia possui um sólido histórico de aquisições, iniciado a partir de 2001 com a aquisição das marcas Pai João e Príncipe, líderes no Ceará e Rio de Janeiro, respectivamente, e aquisições de unidades industriais localizadas em Recife, Camaquã e próximo ao Rio Grande, além de Centros de Distribuição nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste.

A estratégia de diversificação internacional começou, em 2007, por meio da aquisição da Saman no Uruguai, líder de mercado e maior exportador de arroz uruguaio, seguida da aquisição da Tucapel no Chile em 2009, atualmente a marca líder de vendas e share of mind. Em 2011, adquirimos a Costeño no Peru e em 2014, a marca Paisana, respectivamente primeira e segunda maiores marcas de arroz empacotado no país, consolidando a liderança nesta categoria.

Em 2011, a Companhia iniciou uma estratégia de diversificação de portfólio no Brasil com a entrada no mercado de pescados enlatados (sardinha e atum), por meio da compra das sociedades detentoras das marcas Coqueiro, Pescador e Alcyon. Já no mercado de açúcar, em 2012, a diversificação foi realizada por meio da compra da empresa detentora das marcas União e Da Barra, viabilizada pela injeção de capital com a entrada do fundo de investimento de private equity da Gávea Investimentos.

Em 2016, um fundo de investimento de private equity gerido pela Warburg Pincus adquiriu a participação societária detida pelo Gávea Investimentos na Companhia, ocupando dois assentos no Conselho de Administração da Companhia e reforçando o compromisso da Camil com altos padrões de governança corporativa.

Atualmente, a Companhia possui atuação no Brasil, Uruguai, Chile, Peru e Argentina. O portfólio diversificado de marcas tradicionais, consolidadas e com reconhecimento pelos consumidores, permite a ocupação de posições de liderança nos mercados de atuação da Camil. Lideramos rankings e possuímos participações relevantes nos mercados de arroz do Brasil, Uruguai, Chile e Peru, além de expressivas participações no mercado de açúcar e pescados enlatados no Brasil.


Atualizado em 27/11/2017 às 05:52

voltar

topo